LIPOASPIRAÇÃO A LASER

Home »  Procedimentos »  LIPOASPIRAÇÃO A LASER

On abril 11, 2017, Posted by , In Procedimentos, With No Comments

lipoaspiração   O QUE É LIPOASPIRAÇÃO

Lipoaspiração é o processo de extração de gorduras superficiais, por punção e aspiração a vácuo, pela introdução subcutânea de uma cânula através da qual a matéria gordurosa é aspirada e retirada.

A lipoescultura nada mais é que uma lipoaspiração, mas neste caso parte da gordura retirada é colocada em alguma região do corpo que precise ser modelada (lipoenxertia), como por exemplo o bumbum. Uma parte da gordura será absorvida (em media 40%) e outra permanecerá definitivamente com bons resultados.

A lipoaspiração a laser é uma cirurgia plástica feita com o auxílio de um equipamento de laser que tem a finalidade de derreter a gordura localizada mais profunda, aspirando-a a seguir. Embora seja muito semelhante à lipoaspiração tradicional, quando o procedimento é feito com laser, existe um melhor contorno da silhueta, uma vez que o laser faz com que a pele produza mais colágeno, evitando que fique flácida.

LIPOASPIRAÇÃO A LASER

Devido ao mítico do laser, tudo o que se refere a laser parece ser mais fácil, mais moderno, mais seguro e mais sofisticado. Porém, não devemos esquecer que, como todas as lipos, ela é uma especialidade da cirurgia plástica, devendo ser realizada por cirurgião plástico especialista.

LASER DE DIODO

Hoje é possível realizar uma lipoaspiração guiada por laser de DIODO

O laser de diodo e aplicado na região subcutânea e torna-se um tecido líquido, assim ele é aspirado somente por seringas ,sem auxilio do lipoaspirador.

Outra característica do laser de diodo é que ele provoca uma retração no tecido dérmico, deixando a pele com pouca flacidez. Como resultado de uma SLIMLIPO ( lipoaspiração a laser) e  um pós operatório sem equimoses e quase sem flacidez, o paciente poderá  voltar mais rápido para as suas atividades laborativas.

Ainda sobre as lipoaspirações convencionais:

A cirurgia do contorno corporal ganhou um grande aliado no final da década de 70 com o advento da lipoaspiração e suas inúmeras indicações para corrigir áreas de lipodistrofia em que antes a cirurgia oferecia poucos recursos. As lipodistrofias chamadas de calça em culote que anteriormente eram corrigidas por técnicas cruentas se reduziram, pois grande parte das deformidades causadas por gorduras localizadas são corrigidas pela lipoaspiração. Entretanto, em casos extremos de grande perda pós-obesidade algumas técnicas cirúrgicas como a técnica de Pitanguy para calça em culote ainda são indicadas.

A Lipoaspiração – algumas vezes chamada de Lipoescultura – está indicada principalmente nas gorduras localizadas. A correção de gorduras acumuladas em partes do corpo (antes inacessíveis ou só acessíveis através de incisões indesejáveis) ganhou, com a lipoaspiração, um importante capítulo na cirurgia plástica.

Quando bem indicada em pacientes previamente avaliados, representa uma importante conquista. As zonas a serem aspiradas e a quantidade variam a cada caso – sendo sujeito a uma avaliação e ao aconselhamento do cirurgião e de seu corpo clínico.

Deixe uma resposta